Busca:

  Notícia
 
Palocci ganhou benefícios depois que começou a delatar


Preso desde setembro de 2016, Palocci foi ministro da Fazenda do governo Lula e ex-chefe da Casa Civil da presidente Dilma

Antes trancafiado por  22 horas por dia numa cela, ex-ministro Antonio Palocci ganhou regalias na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, depois que começou a delatar. Mudou de espaço e agora temacesso aos demais presos e  fica numa cela com portyaas abertas durante o dia e pode circuylar e conversar com os demais presos.  


O benefício começou  a cerca de 1 ano, depois que começou a colaborar com as investigações da PF. Palocci até aproveitou as facilidades para criar um pequeno jardim. Passa parte do dia cultivando plantas, como lavanda e alecrim, em pequenos vasinhos acomodados no canto do pátio, onde entra luz do sol e chuva. As plantas têm propriedades relaxantes e exalam cheiro agradável. 


Antes de  fundar o PT Palocci  que está preso desde setembro de 2016, militou na sua juventude na Libelu (Liberdade e Luta), grupo que defendia ideias trotskistas. Em 1988, foi eleito vereador em Ribeirão Preto (SP), foi prefeito, deputado estadual, federal e ministro dos governos Lula e Dilma.

Mais Notícias

Gilmar Mendes nega recurso e Caetano fica inelegível
MP não quer uso de drones durante o carnaval de Salvador
TJ-BA compra mais leite em pó que toda rede municipal da capital
Quase metade dos baianos está com restrição de crédito
Previdência quer cobrar mais de quem ganha mais
Previdência vai pagar R$ 400 a idoso em extrema pobreza
Reforma da Previdência começa a tramitar no Congresso
Camaçarico 20 fevereiro 2019
Flamengo se recusa a indenizar vítimas do incêndio no alojamento
Jogador brasileiro é tratado como mercadoria, diz procuradora


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL