Busca:

  Notícia
 
Políticos são vaiados durante missa em Aparecida


O governador paulista, Geraldo Alckmin (PSDB), foi um dos vaiados

 A principal celebração em comemoração aos 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida começou às 9h30 desta quinta-feira, 12, em altar montado do lado de fora da basílica nacional, na cidade de Aparecida do Norte, interior do Estado. O cantor Agnaldo Rayol se apresentou durante a procissão de entrada que levou uma imagem de Nossa Senhora ao altar. A missa de duas horas de duração reuniu cerca de 200 mil pessoas. A missa campal começou com uma mensagem em vídeo enviada pelo papa Francisco, que lamentou não estar no santuário hoje e afirmou estar com "saudades, saudades do Brasil".


Assim que o vídeo terminou, foram anunciadas as autoridades presentes: o governador paulista, Geraldo Alckmin (PSDB) e os ministros Antonio Imbassahy  (Secretaria de Governo) e Gilberto Kassab (Ciência, Tecnologia e Inovações), do PSDB e PSD, respectivamente. Todos foram vaiados pelo público presente. O prefeito da capital, João Doria, está na Itália em viagem oficial e o vice, Bruno Covas, foi para Paris. 

Mais Notícias

Antiga avenida Comercial ganha ciclovia e ajardinamento
Nova lei para planos de saúde 'rasga' o Estatuto do Idoso
Prazo para adesão ao Refis de Camaçari termina dia 30
Pesquisa mostra que 93% não confiam nos políticos brasileiros
Operação da Polícia Civil combate pedofilia em Salvador
Bahia tem o 5º melhor público da Série A enquanto o Vitória é o 17º
Justiça manda soltar o ex-presidente do COB Carlos Nuzman
Ciro diz que falta 'testosterona' para Marina disputar presidência
Ministro do Supremo brinca com portaria sobre trabalho escravo
PT vai com Lula para reforçar base parlamentar


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2017 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL