Busca:

  Notícia
 
Polícia investiga homicídio e tortura por furto no Atakarejo


Investigações do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) mostram indicativos de autoria no duplo homicídio dos homens que furtaram carne no Atakarejo do bairro de Amaralina, em Salvador. Bruno Barros da Silva, 29 anos, e Yan Barros da Silva, 19 anos, foram encontrados mortos, com sinais de tortura, na última segunda-feira (26), no bairro da Polêmica. Segundo familiares das vítimas,  tio e sobrinho foram entregues a traficantes pelos seguranças do mercado.


Diante dessas e outras informações, o DHPP coletou, na terça (4), novas imagens do circuito de câmeras de vigilância do mercado e agora analisa os vídeos. Para o titular da Secretaria de Seguraança Pública (SSP-BA), Ricardo Mandarino, as investigações mostram um componente crucial neste crime: o racismo estrutural. Para ele, casos assim refletem a concepção errônea sobre justiça que tomou conta de parte da sociedade.

Mais Notícias

Camaçari tem final de semana com restrições contra avanço da Covid
Camaçari terá duas equipes na série B do Campeonato Baiano
Consumidor pode pagar energia mais cara com nova tarifa
Estudos comprovam eficácia e necessidade de uso da máscara
Camaçari registra 58 novos casos de Covid-19 em 24h
Setor de serviços na Bahia registra queda acima da média nacional
Cantora lança operadora virtual de celular
Presidente quer fim da máscara para vacinados e ex-contaminados
Camaçari registra 2 óbitos e 114 novos casos de Covid em 24h
Professores da rede particular suspendem aulas presenciais


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2021 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL