Busca:

  Notícia
 
Enchentes deste ano no Rio Grande do Sul superam as de 1941


As enchetes deste anjo de 2024 no Rio Grande do Sul foram maiores que a de 1941, dizem especialistas. Desde o início da tragédia que assola o estado, as atuais inundações no rio Guaíba, em Porto Alegre o nível do lago bateu o antigo recorde de 4,76 metros e chegou nesta semana a 5,33 metros (para se ter uma ideia, ocorrem enchentes a partir de 3 metros).


Em 1941, o nível do Guaíba levou 10 dias para saltar de 1,16 metro para a marca histórica de 4,76 metros. Desta vez, em 2024, mesmo com a presença das comportas, que só foram construídas na década de 1970, foram necessários apenas 6 dias para o nível do lago sair de 1,24 metro e chegar aos impressionantes 5,33 metros.


Ainda segundo o estudo, em 1941, as precipitações foram mais persistentes e atingiram Porto Alegre por cerca de 12 dias, mas com volumes diários mais baixos. Neste ano de 2024, a tempestade teve maior intensidade (acumulados médios diários mais altos) e ficou concentrada em cerca de 4 dias seguidos.


 A enchente de 2024 já resultou 116 mortes, 143 desaparecidsos,  756 feridos e  mais de 42 mil  pessoas deslocadas.  A extensão do desastre é assustadora, com 300 dos 496 municípios do estado relatando algum tipo de problema e mais de 422.000 pessoas afetadas.


Em 1941 a cidade de Porto Alegre foi uma das mais atingidas devido à sua localização às margens do Guaíba. Foram mais 15 mil pessoas desabrigadas, afetando diretamente 70 mil habitantes em uma época em que a capital tinha aproximadamente 272 mil residentes. Um terço das indústrias e do comércio foram inundados, paralisando a vida econômica da região.

Mais Notícias

Colunistas Adelmo Borges
Colunistas Angélica Ferraz de Menezes
Colunistas Waldeck Ornélas
Colunistas Adelmo Borges
Colunistas José Carlos Teixeira
Colunistas Angélica Ferraz de Menezes
Coluna Camaçarico 11 julho 2024
Colunistas Waldeck Ornélas
Colunistas Luiz Duplat
Colunistas Adelmo Borges


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2024 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL