Busca:

  Notícia
 
Inadimplência aumenta e empresas congelam contratações

O número de pessoas com as contas atrasadas por conta do desemprego não para de crescer. Levantamento da empresa de gestão de informação Deep Center mostrou que a inadimplência por conta do desemprego está 12 vezes maior na pandemia. Entre aqueles que não honraram os vencimentos, a alegação de desemprego cresceu 1.123%. Menos de 20% apontaram “descontrole financeiro”.


A crise provocada pela pandemia também  suspendeu  novos contratações de empregados. Cerca de 43% das empresas congelaram vagas de trabalho, ou seja, nem preencheram cargos vagos nem criaram novos. Apenas 26% mantiveram o quadro, preenchendo cargos vagos, enquanto 14% abriram novas posições. O restante (17%) reduziu o quadro de funcionários durante a crise. O levantamento foi feito pela consultoria de recursos humanos Robert Half, com 353 executivos, sendo 90% com influência direta nos processos de recrutamento.

Mais Notícias

Camaçarico 4 de agosto 2020
SEC ainda não definiu volta às aulas na rede estadual
Bahia tem mais casos sob investigação de síndrome da Zika
Ricos fogem da crise poupando enquanto pobres se endividam
Bolsonaro veta projeto que ajuda trabalhador da saúde
Camaçari registra 25 novos casos e 2 óbitos nas últimas 24 h
Brasileiro registra a maior queda no padrão de vida em 80 anos
Estados brasileiros perdem R$ 16,4 bilhões em impostos
Gasolina muda especificações e fica menos econômica
Camaçari registra 20 novos casos e 2 óbitos em 24 horas


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2020 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL