Busca:






Maurício Bacelar


Mobilidade urbana



Um dos problemas da vida urbana é a mobilidade das pessoas, o deslocamento da população. Para resolver esta questão são necessários investimentos em meios de transporte e infra-estrutura viária. Em Camaçari a mobilidade é precária. A ocupação do solo se dá de maneira desordenada, o transporte público seja coletivo ou individual não é regulado pelo poder público e há vários anos não temos investimentos em obras de infra-estrutura viária. Tudo isso contribui para um transporte público ineficiente, precário e caótico, trazendo conflitos na vida da cidade. 


 Na ausência do poder público, o povo, na sua sabedoria, cria alternativas, assim surgiu o moto-taxi. O serviço de moto-taxi existe na Alemanha e em outros países desde 1987. O moto-taxi, além de ser um transporte dinâmico e acessível é, também, um grande gerador de emprego e renda. Mas precisa ser regulado e fiscalizado. O moto-taxi é um caminho sem volta, é um novo fenômeno, é uma nova realidade, é irreversível. A atividade do moto-taxista não é antagônica à atividade do taxista, muito pelo contrário, elas se completam. 


Em minhas pesquisas sobre os problemas de nossa cidade, encontrei um estudo na cidade de Barretos, no interior de São Paulo, que constatou que o surgimento do serviço de moto-taxi não alterou a atividade do taxista. O cliente do moto-taxi, antes do surgimento do serviço, em sua grande maioria, andava a pé, bem como o perfil dos usuários do moto-taxi, do taxi e do ônibus é diferente. 


A já citada ausência do poder público no sistema de transporte prejudica, também, os taxistas, temos observado a atuação de clandestinos, que além de concorrer de maneira desleal com o profissional regulamentado, coloca em risco o usuário. 


O deslocamento das pessoas em transporte coletivo- ônibus- precisa ser dinamizado, regulado e profissionalizado, a criação de uma estação de transbordo, no centro da cidade, é imprescindível.


Tratando de mobilidade não podemos esquecer as cooperativas de transporte, alternativa, fruto da criatividade do povo, seja no transporte urbano ou no deslocamento dos profissionais do pólo industrial. O poder público precisa regular, fiscalizar e incentivar, através de subsidio, também, estes profissionais, pois esta atividade gera emprego e renda para o nosso povo. 


Para melhorar o deslocamento do povo de Camaçari, também, são necessários investimentos em infra-estrutura urbana. As Radiais, as Avenidas Sul, Leste, Oeste, Concêntrica, Rio Camaçari, principais vias de nossa cidade foram construídas até 1985. De lá pra cá, pouco se investiu nesta área, são 26 anos, quanto Camaçari não cresceu neste tempo? 


A atuação do poder público é fundamental na integração, regulação e fiscalização dos meios de transporte individuais e coletivos, evitando conflitos e dando segurança à população.


Não somos donos da verdade, nem temos todas as soluções prontas, mas temos certeza que a mobilidade urbana é um grande desafio para a prefeitura e para o povo de Camaçari.


É preciso vontade política, determinação e  ação para resolver os problemas. A população está cansada de esperar. 


Precisamos construir viadutos, novas avenidas, requalificar ruas e avenidas existentes, melhorar a sinalização, preparar os profissionais do transito. 


 Precisamos discutir a integração metropolitana. Não podemos planejar a mobilidade de maneira isolada. O município vizinho de Lauro de Freitas partiu na frente, reivindicando a extensão do metrô de Salvador até o bairro de Portão. 


Camaçari não pode ficar de fora desta discussão. A questão da mobilidade não pode ser relegada a segundo plano. 


Camaçari não pode ver o tempo passar!


Camaçari não pode ficar no atraso! 


Maurício Bacelar mauricio.bacelar@bol.com.br é engenheiro civil, foi Diretor Técnico do Complexo Petroquímico de Camaçari – COPEC, Secretário de Habitação e de Infra-estrutura da Prefeitura de Camaçari


 
Últimas Publicações

Mobilidade urbana


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2017 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL