Busca:






Cris Kalun Dewá


Feliz 8 de março pra quem?



O 8 de março é dia internacional da mulher branka. Não existe motivos de comemoração para quem tem a pele preta. Não me chame de guerreira, estou cansada de guerra, estou cansada de luta, não me dê parabéns. Não há o que comemorar. Ainda somos maioria em situação subalterna e exploradas sexual e economicamente.


Nossos filhos, maridos, irmãos, amigos igualmente pretos estão sendo mortos todos os dias...Não me felicite, ainda sangro, ainda grito, ainda tenho medo, ainda luto...Estou cansada, mas não posso parar.


Somos o estado mais preto do país, somos o segundo lugar mais preto depois da África, mas somos representadas por mulheres brankas que não entendem nossas aspirações. Mulheres brankas que escalam os espaços subindo em nossos ombros, pisando em nossas cabeças, levando homens brankos que nos sorri e nos acenam... e nada mais.


Homens usando mulheres pretas como sua figura de projeção política, ascensão política, e nos submetemos a essa densa expressão de machismo de que “por trás de todo bom homem existe uma boa mulher”.


Estou cansada, estou exausta, mas infelizmente ainda não é hora de comemorar, ainda não, vou seguir lutando, sangrando, caindo e levantando. Meu povo anda morrendo todos os dias, e amanhã pode ser eu, sim eu, e infelizmente vou morrer lutando porque infelizmente muitos dos meus irmãos e irmãs creem que a solução de sua dor partirá das mãos de seus opressores, do carrasco que segura a guilhotina, da lei que os marginalizam.


Estou cansada, mas sigo lutando, infeliz 8 de março que ilude mulheres pretas a crer que essa data lembram delas. Desculpa essa minha descrença em quem não pode vestir minha pele, depois o meu gênero! Não posso esperar, esperar você acordar dessa ilusão do branko Salvador. 


Perdão! Tenho que seguir, tenho que enfrentar um batalhão de PM, ouvidoria, delegacia para provar a inocência de meu filho preto que você condenou... Estou cansada, mas tenho mais uma vez que seguir lutando até contra vocês que se aliou com o seu inimigo sem cor.


Cris Kalun Dewá clima4793@gmail.com  é artista plástica, ativista dos direitos das mulheres negras, soteropolitana, moradora de Camaçari e estudante  de linguas africanas na UFBA.


Opiniões e conceitos expressos nos artigos são de responsabilidade do autor


 
Últimas Publicações

Feliz 8 de março pra quem?


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2020 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL