Busca:






Beto Carvalho


Camaçari à espera do novo



As promessas de campanha do ex-vereador hoje prefeito da cidade de Camaçari Antônio Elinaldo (DEM), não passaram de um pacote de mentiras. As promessas de campanha da gestão atual de tornar Camaçari uma cidade piloto comparável ou superior a Curitiba, cidade modelo do Brasil está longe de virar realidade no que depender da Gestão do Prefeito Elinaldo.


Vivemos um caos no trânsito da cidade com falta de estacionamentos e mudanças agressivas realizadas pela superintendia de trânsito e transporte (STT) que impactaram diretamente no comércio da cidade e na movimentação de pessoas que perdem tempo usando transporte público.


Unidades de saúde e farmácias que fecharam, a merenda escolar de péssima qualidade, altos índices de evasão escolar, buracos no asfalto, ruas sujas, lixo acumulado, falta de iluminação pública fazem Camaçari entrar em depreciação e ficar longe da realidade anunciada pela gestão atual.  


O atendimento a população pelas secretárias de governo e as demandas sociais só aumentam exigindo um compromisso ainda maior dos gestores que em sua maioria não são moradores da cidade e não sentem na pele a necessidade da população.


E o Novo, já chegou? Não, não chegou! É notório ver o retrocesso que Camaçari vive, a falência do comercio da cidade sem grandes promoções de períodos festivos, o grande número de desempregados e os informais que se aglomeram no centro, disputando aos gritos a clientela, mostra a falta de compromisso da Gestão. Obras que demoram de iniciar e demoram ainda mais de serem concluídas. Obras estruturantes que foram prometidas como a duplicação do viaduto do Trabalhador, voltadas para saúde Hospital municipal que não passou de falácias.


O Enriquecimento família explícito praticado pelo prefeito Elinaldo quando dá cargos ao namorado da própria filha e ao irmão, quando dá cargo a filha de Helder Almeida (secretário de administração) e suas amigas na ISSM. Quando dá cargos a familiares de Jorge Curvelo atual presidente da Câmara de Vereadores e todos os cargos da família Derrico. Flavio Mattos que colocou irmão, primos e o pai em cargos na prefeitura ..... e por aí vai um pequeno grupo de famílias assumindo todos os cargos da prefeitura de Camaçari, crescendo o patrimônio financeiro sem compromisso com o desenvolvimento da cidade de Camaçari. O prefeito Elinaldo pratica tudo aquilo que um dia julgou errado e prometeu combater, mostrando toda hipocrisia que existe dentro de si . 


O crescimento interrompido. A população mundial crescerá em mais de 2 bilhões de pessoas nos próximos 40 anos, dados da ONU, 2012. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE 2010), Camaçari lidera o ranking dos municípios que mais cresceram na Região Metropolitana de Salvador. Entre 2000 e 2010, a população de Camaçari cresceu mais de 50%, passando de pouco menos de 162 mil para 243 mil habitantes, hoje em 2019 já podemos ser mais de 300 mil habitantes.


A aglomeração urbana representa importante desafio para a gestão pública, desafio esse que foi encarado de frente e com muita habilidade pelo deputado federal Luiz Caetano (PT) que foi Prefeito de Camaçari entre 2005 e 2014.


Pensar a cidade criando um processo de metropolização potencializando os processos de industrialização e a relação de interdependência com a capital baiana, pensando na expansão territorial, desenvolver o comercio e a prestação de serviços formalizados e desenvolvendo na população o conceito empreendedor foi a formula do sucesso para aumentar a arrecadação municipal  e realizar grandes obras estruturantes, proporcionar a população a inclusão social através de projetos na área, trazendo de volta o  orgulho de ser camaçariense.


Com seis super equipadas UPA’s unidade de pronto atendimento, o ex-prefeito Luiz Caetano conseguiu proporcionar uma ampla cobertura de saúde a cidade de Camaçari.


Importantes obras estruturantes como a construção das passagens de nível sobre a linha férrea, construção de um trecho da avenida da simpatia, a avenida conexão ligando avenida Rio Camaçari x Avenida comercial , avenida Dílson  Magalhães que liga bairro da Gleba “B” a Ba535 ( via parafuso ), são alguns legados deixado por Caetano para proporcionar uma melhor mobilidade urbana. Explorando Camaçari em toda sua extensão territorial proporcionou a criação de novos bairros a exemplo o São Vicente e o bairro Novo Odebrecht e o crescimento de outros como o jardim Limoeiro que já é o maior bairro de Camaçari. A valorização dos professores que receberam 22% de aumento de salário no último ano de governo de Caetano, reflexo de uma gestão forte que desenvolveu a cidade e conseguiu aumentar arrecadação municipal podendo assim valorizar seus servidores que em média recebiam cerca 8% anual de aumento de salário.


De volta ao passado. Hoje a cidade de Camaçari perdeu o brilho, muito do que foi conquistado e muito do que foi planejado não foi executado pelas gestões posteriores ao do ex-prefeito Caetano. O ex-prefeito Ademar Delgado construiu uma ponte ligando seu governo ao passado sombrio que vivíamos na era de “Aquários” ou pode chamar de Era Tude/Helder que volta e fazem parte da gestão atual sobre nova roupagem com a atual gestão do Prefeito Elinaldo. Esse foi seu grande feito em 4 anos de mandato do ex-prefeito Ademar Delgado. Coincidência ou não Ademar e Elinaldo receberam prêmio de melhor prefeito do Brasil de um instinto que premiou um jegue como melhor prefeito de uma determinada cidade do Brasil. 


A farinha seca com salsicha crua dada aos alunos das escolas do município é igual a bolacha seca com ki-suco da época de Tude/Helder. A saúde é precária, posto de saúde fechados e superlotados, a administração da prefeitura Municipal parece, mas casa de veraneio onde todos os parentes estão reunidos e trabalham juntos.


Jovens sem perspectivas de um futuro sendo a todo momento aliciados pelo lado negro que impera na cidade. A falta de estrutura municipal para orientar, qualificar e encaminha nossos jovens as escolas e mercado de trabalho é absurda levando em consideração arrecadação municipal que paga salários astronômicos a um pequeno grupo familiar que opera na prefeitura de Camaçari em benefício próprio.  


Conclusão. É certo que a cidade de Camaçari ainda é uma promessa de grande cidade e tem características que deixa isso bem claro. Continua atraindo pessoas de todo o brasil e exterior que buscam em Camaçari a ideia de que existe um lugar onde a vida pode funcionar naquela ideia de emprego bem remunerado, filhos estudando em escolas públicas de alto padrão, serviços públicos eficazes e principalmente de qualidade de vida. A mitificação da vida perfeita é concretizada diariamente através dos discursos políticos e das campanhas propagadas e veiculadas na mídia de forma mentirosa pela gestão atual.


A construção do novo parte de cada um, de cada munícipe, do povo de Camaçari que sabe das dificuldades que passa e busca uma qualidade de vida melhor. O novo é o povo no governo participativo sendo ouvido e cobrando o que precisa para viver bem. 


Camaçari tem que por na balança qual gestor público teve mais compromisso com a cidade e entender que é responsabilidade do povo dar novos direcionamentos para que a cidade volte a crescer e ser feliz de novo.


Beto Carvalho luizalberto.carvalho@hotmail.com, 38 anos, é bacharel em administração e morador de Camaçari


 
Últimas Publicações

Camaçari à espera do novo


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL