Busca:

  Notícia
 
Brasileiro aumenta consumo mas fuma menos cigarro contrabandeado


O combate ao contrabando teve o maior resultado dos últimos anos graças à pandemia e ao câmbio. Em 2020, o consumo de cigarros ilegais registrou a primeira retração em seis anos – e essa queda foi mais forte do que a da demanda em geral. Assim, a fatia ilegal do mercado caiu para 49% do total, ante 57% no ano anterior. Antes da pandemia, a expectativa era que esse patamar chegasse a 60% no ano passado. 


Atualmente, 9,8% da população brasileira se declara fumante, o que representa cerca de 20 milhões de pessoas. Segundo pesquisa da Fiocruz, 34% dos fumantes brasileiros declararam ter aumentado o consumo de cigarro durante a pandemia. Este crescimento, ainda de acordo com o estudo, está associado à deterioração da  saúde mental dos tabagistas, com piora de quadros de depressão , ansiedade e insônia.


Os dados fazem parte de um levantamento do Ibope Inteligência/Ipec, a pedido do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (Etco). Foram realizadas entrevistas presenciais com 9 mil fumantes pelo País – o tipo de cigarro dos respondentes é checado no local pelos entrevistadores.


Além do fechamento do comércio e da restrição à circulação, a inversão da tendência também é atribuída ao câmbio, já que a maior parte do produto ilegal é oriunda do Paraguai. Segundo o Etco, com o dólar mais alto, o custo médio subiu de R$ 3,44 para R$ 4,44, mais próximo do cigarro nacional, cujo preço mínimo de venda é definido por lei em R$ 5. 


O levantamento mostrou que os fumantes consumiram 109 bilhões de cigarros no ano passado, volume 1,5% menor do que em 2019. O Etco estima um ganho de arrecadação de R$ 1,7 bilhão com a redução da fatia ilegal em 2020. Estadão

Mais Notícias

Camaçari tem final de semana com restrições contra avanço da Covid
Camaçari terá duas equipes na série B do Campeonato Baiano
Consumidor pode pagar energia mais cara com nova tarifa
Estudos comprovam eficácia e necessidade de uso da máscara
Camaçari registra 58 novos casos de Covid-19 em 24h
Setor de serviços na Bahia registra queda acima da média nacional
Cantora lança operadora virtual de celular
Presidente quer fim da máscara para vacinados e ex-contaminados
Camaçari registra 2 óbitos e 114 novos casos de Covid em 24h
Professores da rede particular suspendem aulas presenciais


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2021 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL