Busca:

  Notícia
 
Camaçarico 8 de junho 2021


Aicmofobia A prefeitura de Camaçari segue fugindo para longe da seringa do debate sobre a vacinação dos profissionais de comunicação contra a Covid-19. Medida que reconhece o papel da imprensa e os riscos que a atividade representa, com o contato diário com diversos segmentos da sociedade, inclusive com os políticos, vem sendo adotada em mais de 50 municípios do estado, inclusive na capital, e centenas de cidades do país.


Aicmofobia 2 Na contramão desse processo, gestão do alcaide Antonio Elinaldo (Democratas) chegou a anunciar intenção de vacinar, mas recuou, provavelmente enxergando uma seringa na ´recomendação` contrária a imunização dos profissionais de imprensa, feita pelo Ministério Público Estadual (MPE).


Aicmofobia  Mesmo respaldados por decisão do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), que derrubou pedido semelhante do MPE contra a vacinação dos profissionais de Salvador, e o apoio da imprensa, Elinaldo e seu secretário de saúde, o vereador licenciado, doutor Elias Natan (PSDB), preferiram não arriscar e tiraram o braço.


Aicmofobia 3 Apesar de divulgar em alguns veículos da imprensa sua disposição de vacinar, assim que possível, justificando que esperava apenas a chegada de novas doses de vacina, a gestão não fez mais que dar um passo para frente e dois para trás. Essa ´seringa de ar` fica clara com a ausência de um plano de cadastramento dos que seriam habilitados para a imunização, como fez Lauro de Freitas e outras cidades. Sem esses números, a prefeitura não tem como saber quantas doses iria usar para ajustar sua conta apertada de candidatos à vacina.


Aicmofobia 4 Agora, por mais que se esquive, o alcaide enfrenta o desgaste ao figurar na lista dos prefeitos que não reconhecem a importância do trabalho dos repórteres, fotógrafos, cinegrafistas e demais profissionais que atuam na linha de frente, cobrindo, inclusive, suas ações e movimentações de combate a pandemia em Camaçari.


Aicmofobia 5 Quem resumiu esse ´bota e tira braço` foi o jornalista e escritor Jolivaldo Freitas, no seu texto “Vacina. Jornalistas. MP e desobediência civil”, postado na seção Colunistas do Camaçari Agora (Confira). Joli, como é conhecido, resumiu com uma dose:´Camaçari afrouxou.


E aí, doutor? Com quase 6 mil (5.816) pessoas que deveriam, mas não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em Camaçari, a secretaria de saúde do município (Sesau) precisa dizer o que vai fazer, ou está fazendo para reduzir esse risco.


E aí, doutor? 2 Anunciado de forma solta, na segunda-feira (7), como se fosse um número qualquer, a pasta comandada doutor Elias Natan não informa caminhos, como outras cidades, que montaram um sistema de busca ativa, onde equipes de agentes de saúde vão de casa em casa procurando os retardatários. Muito mais que anunciar números como se pouco representassem, a Sesau precisa apresentar ações efetivas para ampliar o cerco de proteção contra o avanço do coronavírus.


João Leite Filho joaoleite01@gmail.com - Editor


8/6/2021 Fechamento às 19h45


Todas as Colunas http://www.camacariagora.com.br/camacari.php


Instagram https://www.instagram.com/joaoleitefilho01/?hl=pt-br


You Tube https://www.youtube.com/channel/UCVFnWrjZpNsVJCbD6_D5ekg?view_as=subscriber

Mais Notícias

Montadoras retiram populares de circulação e apostam nos SUVs
Madeira ilegal da Amazônia vai para Estados Unidos e Europa
Empresas de alta tecnologia discutem volta ao trabalho presencial
Camaçari registra 94 novos casos de Covid-19 em 24h
Camaçari tem final de semana com restrições contra avanço da Covid
Camaçari terá duas equipes na série B do Campeonato Baiano
Consumidor pode pagar energia mais cara com nova tarifa
Estudos comprovam eficácia e necessidade de uso da máscara
Camaçari registra 58 novos casos de Covid-19 em 24h
Setor de serviços na Bahia registra queda acima da média nacional


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2021 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL