Busca:

  Notícia
 
Borges defende união para impedir MP que prejudica o Polo


O vereador Júnior Borges (Democratas),  presidente do Legislativo de Camaçari, defendeu a intensificação das articulações entre prefeitura do município e parlamentares das bancadas federal e estadual, para impedir a revogação do Regime Especial da Indústria Química (REIQ).


Apresentada através de Medida Provisória (MP) pelo Governo Federal, medida, segundo Borges, vai prejudicar o Pólo de Camaçari e sua indústria química e petroquímica, com a possível redução nas operações ou até mesmo fechamento de fábricas, com  aumento do desemprego no município, já penalizado com o fechamento da Ford.


“A suspensão do regime especial ameaça a sustentabilidade econômica das empresas da indústria química. Camaçari, por abrigar o Polo Industrial, estaria sob grande risco de ser severamente afetada por esta mudança, cujas projeções estimam entre 8 mil e 33 mil cidadãos baianos que perderiam seus empregos. Vamos defender a indústria química e evitar a concretização dessa MP. Há uma articulação para impedir a extinção do REIQ e ela conta com o meu apoio”, afirmou o chefe do Legislativo Municipal.

Mais Notícias

Prefeitura manda para a Câmara perdão de dívidas municipais
Grandes bancos lucram 16,9 bi entre janeiro e março deste ano
Camaçari registra 1 óbito e 21 novos casos de Covid em 24h
Produção industrial brasileira registra queda de 2,4% em março
Investir não é só para quem tem dinheiro ?
Rui reduz toque de recolher e libera bebidas em Salvador
Vacina brasileira Versamune começa a ser testada em junho
Governo comprou metade das 560 milhões de doses anunciadas
Polícia investiga homicídio e tortura por furto no Atakarejo
Camaçari registra 8 óbitos e 174 novos casos de Covid em 24h


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2021 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL