Busca:

  Notícia
 
Fase 63 da Lava Jato prende cunhado de Marcelo Odebrecht


Maurício Ferro foi diretor jurídico da empresa

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quarta-feira (21) a 63ª fase da Operação Lava Jato. São cumpridos dois mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão em São Paulo e na Bahia.  Um dos presos é o ex-executivo da Odebrecht Maurício Ferro, casado com a irmã de Marcelo odebrecht e um dos seus desafetos.  O outro nome é o do advogado Nilton Serson.


Segundo a PF, esta fase investiga a suspeita de pagamentos periódicos por parte da Odebrecht a dois ex-ministros identificados na planilha da empreiteira como "Italiano" e "Pós-Itália". Em depoimento, Marcelo Odebrecht afirmou que "Italiano" se referia ao ex-ministro Antônio Palocci e "Pós-Itália" era Guido Mantega. O pagamento da propina tinha como objetivo, entre outras coisas, a aprovação de medidas provisórias que instituiriam o programa chamado de Refis da Crise.


De acordo com a PF, as investigações apontam que a propina teria sido entregue a um casal de publicitários para dissimular a origem do dinheiro. Foi determinado o bloqueio de R$ 555 milhões dos investigados.

Mais Notícias

Matemos todos os políticos
Irmãos Vieira Lima serão julgados pelo Supremo na terça-feira
Filho de Bolsonaro comanda ´gabinete do ódio` no Planalto
Cesarianas aumentam riscos contágio de bebês por micróbios
Camaçarico 19 de setembro de 2019
ACM Neto cobra informações sobre a ponte Salvador-Itaparica
Fundos que gerenciam R$ 65 tri cobram cuidados com Amazônia
Aumenta o número de brasileiros que vão morar no exterior
Brasil usa pesticidas que a Europa proíbe em suas lavouras
Deputados retomam benesses com mudança da lei eleitoral


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL