Busca:

  Notícia
 
Bahia registra 845 acidentes com ciclistas nos últimos 2 anos


Levantamento da prefeitura de Salvador mostra que no primeiro semestre de 2019 foram registrados 76 acidentes envolvendo ciclistas, sendo dois fatais. Em comparação ao mesmo período de 2018, quando foram apontadas 56 ocorrências, o número aumentou mais de 35%. No ano passado, o órgão computou, ao todo, 135 acidentes na capital baiana.  Segundo levantamento da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT), entre 2017 a fevereiro deste ano, 845 pessoas foram internadas por envolvimento em acidentes com bicicleta no estado da Bahia.


Na tentativa de orientar e conscientizar as pessoas, a SBOT criou a campanha Bicicleta Segura. A instituição afirma que a iniciativa não se prende apenas ao ciclista: é voltada, também, para motoristas de automóveis, ônibus e caminhões. De acordo com a SBOT, os acidentes graves que ocorrem nas cidades são, principalmente, provocados por esses condutores de veículos. As principais causas são embriaguez, desrespeito às leis de trânsito e bicicletas no mesmo espaço que outros veículos.


Como medidas de segurança, o Código de Trânsito Brasileiro orienta que as bicicletas sejam equipadas com buzina, espelho e adesivos refletores na frente, atrás, nas laterais e nos pedais. Além disso, apesar de não obrigatórios, cotoveleira, joelheira e capacete são “altamente recomendados” pelos órgãos de trânsito.


Fora das ciclovias, e ciclofaixas, o ciclista deve transitar perto das bordas da pista, sempre na mão dos carros, e nunca guiar, por exemplo, no corredor dos carros ou costurando entre eles. Na calçada, só é permitido se houver sinalização autorizando o tráfego, caso contrário é preciso descer da bike e empurrá-la. Em Salvador, os ciclistas têm à disposição mais de 200 km de ciclovias, ciclorrotas e ciclofaixas.


O Dia do Ciclista, comemorado segunda-feira (19) foi criado depois da morte do biólogo Pedro Davison, que morreu atropelado em 2006, em Brasília, aos 25 anos de idade. Ele pedalava no Eixão Sul, via expressa da capital federal que é fechada para o tráfego de veículos aos domingos. A data entrou no calendário oficial do país. Sua aprovação tem o objetivo de estimular o uso da bicicleta, a cidadania e a mobilidade sustentável e plural, além de criar novas oportunidades para promover a educação para a paz no trânsito.

Mais Notícias

Matemos todos os políticos
Irmãos Vieira Lima serão julgados pelo Supremo na terça-feira
Filho de Bolsonaro comanda ´gabinete do ódio` no Planalto
Cesarianas aumentam riscos contágio de bebês por micróbios
Camaçarico 19 de setembro de 2019
ACM Neto cobra informações sobre a ponte Salvador-Itaparica
Fundos que gerenciam R$ 65 tri cobram cuidados com Amazônia
Aumenta o número de brasileiros que vão morar no exterior
Brasil usa pesticidas que a Europa proíbe em suas lavouras
Deputados retomam benesses com mudança da lei eleitoral


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL