Busca:

  Notícia
 
TJ-BA rejeita recurso e Sena pode começar a cumprir pena


Almiro Sena é promotor e foi secretário de justiça no governo Wagner

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ) negou, por unanimidade, os embargos de declaração apresentados pela defesa do promotor Almiro Sena, condenado a 4 anos e 5 meses de prisão em regime semiaberto por assédio sexual. A decisão inviabiliza a tentativa de reverter o cumprimento imediato da pena aplicada pela corte de segunda instância, por meio de recurso especial ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) ou ao Supremo Tribunal Federal (STF).


Almiro Sena  denunciado por pratica de assédio sexual contra servidoras da secretaria de justiça em 2015. A repercussão do caso  foi nacional e  saiu até matpéria no Fantástico. O promotor já foi preso em regime domiciliar, mas conseguiu um habeas corpus e respondeu ao processo em liberdade. Sena ficou à frente da pasta de janeiro de 2011 até janeiro de 2014.

Mais Notícias

Governador defende mensalidade em universidade pública
Camaçarico 20 de maio 2019
As fake news dominaram as informações durante campanha
Salvador sedia Semana Climática da América Latina e Caribe
Estilo conciliador do petista Wagner frustra oposição
Uso da inteligência artificial pode aumentar o desemprego
Deputados discutem projeto próprio para reforma da Previdência
Bolsonaro quer afrouxar regras para motorista infrator
Camaçarico 16 de maio 2019
Camaçari e os 461 anos de celebrações do Divino Espírito Santo de Abrantes


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL