Busca:

  Notícia
 
Deputados federais baianos estouram verba do 'cotão'


Jonga Bacelar (PR), Afonso Florence (PT) e Alice Portugal (PCdoB) puxam a lista

Dos 39 deputados federais da bancada baiana na Câmara  Federal, 10 estouraram nos primeiros quatro meses deste ano a cota  parlamentar  conhecida como "Cotão" que libera mensalmente pouco mais de R$ 39 mil para o parlamentar gastar com despesas como  comunicação e ouitros serviços. Ao todo, esses parlamentares ultrapassaram o valor em R$ 74.137,40 mil, segundo dados da própria Casa.


O campeão foi o deputado federal João Carlos Bacelar (PR), conhecido como "Jonga" Bacelar, que gastou R$ 56.235,63, exatos R$ 17.224,78 mil a mais do permitido. Desse valor, R$ 49 mil foram destinados para a gráfica Shai Print Serviços Gráficos, localizada no Centro de Lauro de Freitas, para divulgação da atividade parlamentar. Na nota fiscal disponível no site, consta que a quantia foi gasta com a impressão de 175 mil boletins informativos do parlamentar.


O 2º lugar  ficou com o deputado Afonso Florence (PT). Em fevereiro, ele somou R$ 54.063,62 mil em gastos, o que ultrapassa o permitido mensalmente em R$ 15.052,77 mil. Nesse mês, ele gastou R$ 31 mil com divulgação parlamentar, que teve sua distribuição dividida em três empresas. Primeiramente, foram R$ 21 mil destinados à impressão de 17.500 informativos sobre seu mandato, na Saback Serviços Eireli, em Campinas de Brotas; depois R$ 8 mil para Radiola Comunicação e Assessoria, para gerenciamento de redes sociais e atendimento à imprensa; e R$ 2 mil para Tucano Gráfico, para diagramação de revistas, jornais e criação de cards para internet.


A 3ª posição do "ranking" pertence a deputada federal Alice Portugal (PCdoB), que, em janeiro, somou R$ 51.698,41 mil em gastos, ultrapassando o limite em R$ 12.687,56.  Alice destinou R$ 38.689,68 mil para sua divulgação, dividos para duas empresas. A Gráfica Real arrecadou R$ 23.799,68 mil para arte, diagramação, impressão, corte e acabamento de jornal institucional, localizada em Brasília. Outros R$ 14.890 mil foram encaminhados à Stampmart, no Comércio, em Salvador, para impressão de jornais.


Confira abaixo os 10 deputados que ultrapassaram o limite do Cotão:


João Carlos Bacelar (PR) excedeu R$ 17.224,78 mil em janeiro deste ano, com um total gasto de R$ 56.235,63 mil.


Afonso Florence (PT) excedeu R$ 15.052,77 mil em fevereiro deste ano, com um total gasto de R$ 54.063,62 mil.


Alice Portugal (PCdoB) excedeu R$ 12.687,56 mil em janeiro deste ano, com um total de R$ 51.698,41 mil.


Ronaldo Carletto (PP) excedeu R$ 6.227,2 mil em fevereiro deste ano, com um total de R$ 45.238,05 mil.


Félix Mendonça Júnior (PDT) excedeu R$ 5.851,41 mil em abril deste ano, com um total de R$ 44.862,26 mil.


Uldurico Junior (PROS) excedeu R$ 5.777,06 mil em janeiro e março deste ano, com um total de R$ 83.798,76 mil.


Arthur Oliveira Maia (DEM) excedeu R$ 5.538,62 mil em fevereiro deste ano, com um total de R$ 44.549,47 mil.


José Rocha (PR) excedeu R$ 3.245,67 mil em fevereiro deste ano, com um total de R$ 42.256,52 mil.


Daniel Almeida (PCdoB) excedeu R$ 1.715,56 mil em fevereiro deste ano, com um total de R$ 40.726,41 mil.


Marcelo Nilo (PSB) excedeu R$ 816,77 em fevereiro deste ano, com um total de R$ 39.827,62.

Mais Notícias

Começa segunda-feira o cadastro para o transporte universitário
Camaçarico 16 de julho de 2019
Procurador pede passagem e festeja não ter sido punido
Governo suspende convênio que produzia 19 remédios para o SUS
Consumidor já pode evitar ligações indesejadas de operadoras
Vale vai indenizar cada familiar de vítima com R$ 700 mil
Barragem que se rompeu foi construída sem fundação
Quase metade dos correntistas não sabe quanto paga de tarifa
Dívidas coloca ex-capitão da seleção na lista dos inadimplentes
Casas atingidas pela enchente em Coronel João Sá serão demolidas


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL