Busca:

  Notícia
 
Procuradora pede 120 anos de cadeia para os irmãos Vieira Lima


Raquel Dodge pediu 80 anos para Geddel e 48 anos para Lúcio

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu a condenação do ex-ministro e ex-deputado Geddel Vieira Lima a 80 anos de prisão pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa. Ela também pediu a condenação do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), pelos mesmos crimes, a 48 anos e 6 meses de prisão. Ele é irmão de Geddel e não conseguiu se reeleger nas últimas eleições. O pedido foi enviado ao STF nas alegações finais da ação relacionada aos R$ 51 milhões encontrados num apartamento de um amigo de Geddel, em Salvador.  


Em nota distribuída na quarta-feira (9), o advogado Gamil Föppel disse que a "defesa de Geddel Quadros Vieira Lima e Lúcio Quadros Vieira Lima lamenta que o Ministério Público tenha ignorado todas as provas produzidas na instrução processual e ofereça alegações finais lastreadas em vazias afirmações não comprovadas durante a instrução processual e em elementos de prova marcados por flagrante ilicitude". E que apresentará as alegações finais em breve. Föppel disse confiar na imparcialidade do Judiciário e que a análise dos autos resultará na absolvição de Geddel e Lúcio Vieira Lima. Agência Brasil

Mais Notícias

Professor brasileiro é o que mais sofre intimidação por aluno
Novos satelites ameaçam pesquisas e observações do espaço
Baiano Daniel Alves deixa o Paris Saint-Germain
Camaforró ultrapassa as 16 toneladas de alimentos arrecadados
São João da capital só acaba na noite desta segunda-feira
Amado Batista e Marcos e Belutti agitam último dia do Camaforró
Diálogos mostram articulação entre Moro, MPF e PF na Lava Jato
Prefeitura avança com reforma sem informar detalhes do projeto
Novas mensagens envolvem Moro e procuradores da Lava Jato
Barcelona impõe condições para aceitar Neymar de volta


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL