Busca:

  Notícia
 
Ministério Público entra com nova ação contra Juliana Paes


Além da ex-secretária de desenvolvimento urbano de Camaçari e atual assessora do prefeito, ação acusa esposo de Juliana e mais 5 pessoas

O Ministério Público Estadual (MPE) ajuizou nova ação de improbidade administrativa contra a ex-secretária municipal de Desenvolvimento Urbano de Camaçari Juliana Franca Paes, seu marido Aridã de Souza Carneiro e mais 5 pessoas, a maioria delas servidores públicos municipais. Segundo o promotor de Justiça do MPE de Camaçari,  Everardo Yunes, eles formam organização criminosa que cobrava propinas de empresas e investidores interessados na aprovação de empreendimentos imobiliários de médio e alto luxo no município. Com o recebimento, os acusados passam a responder processo por crimes de improbidade administrativa. 


Na decisão pelo recebimento da ação datada de terça-feira (4/12), o juiz César Borges de Andrade da Primeira Vara da fazenda Pública de Camaçari afirma que foram demonstrados pelo MP “indícios contundentes da prática de improbidade administrativa”. 


Além de Juliana Paes e Aridã Carneiro, são réus os servidores Heverton Andrade Ferreira, Epaminonda Lázaro Pereira Daltro, Ricardo Assis de Sá e Marcelo Soares Nascimento, e o engenheiro ambiental Carlos Jean Santos Souza. Conforme a ação, o marido da secretária Aridã mantinha dentro da Secretaria uma sala na qual, apresentando-se como servidor público, recebia empresários para negociar a expedição de alvarás para construção de empreendimentos imobiliários, sob a contrapartida de pagamentos de propina que, em alguns casos, chegou ao valor de R$ 150 mil. Com informações do site do MP

Mais Notícias

Padrasto de Eva deve responder por mais de 10 crimes
Maioria dos brasileiros vai curtir o carnaval sem deixar o celular
Reforma da Previdência corta até vantagens de deputados
MP aciona Téo, Marcelino e Oziel por gasto excessivo de combustível
Camaçarico 22 fevereiro 2019
Pesquisa mostra Rui e ACM Neto com boa aprovação pelo eleitor
MP aciona médico do HGC por descumprir jornada de trabalho
PSDB alega falta de código de ética e perdoa Aécio e Azeredo
Reforma da Previdência vai afetar a renda dos mais ricos
Autoridades policiais confirmam 176 mortes em Brumadinho


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL