Busca:

  Notícia
 
Promoção da Black Friday pode ser armadilha para consumidor

O mês de novembro já não é o período ideal para garimpar preços. De acordo com a economista do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) Ione Amorim, passou a hora de fazer pesquisas para avaliar os descontos oferecidos na Black Friday, marcada para os dias 23 e 24 de novembro. “A pesquisa feita hoje já está muito comprometida”, diz. Ela explica que nessa época os preços já podem ter sido artificialmente elevados para simular descontos.


Segundo a especialista, para quem se planeja e se dedica em tempo de pesquisa, a Black Friday pode, sim, ser uma boa oportunidade, mas sem monitoramento de preços prévios é difícil fazer bons negócios na data. O recomendado é que essa busca seja feita com cerca de três meses de antecedência. Ela acrescenta que o efeito manada na hora das compras pode levar o consumidor ao sentimento de “estar perdendo alguma coisa”, o que resulta em compras por impulso. “Muitas vezes a pessoa está comprando algo que ela não tem nenhuma necessidade, mas ela foi psicologicamente estimulada”, argumenta. 


Além do planejamento das compras e do orçamento, algumas dicas práticas podem ajudar os consumidores a fugir de enganações. Vale lembrar também que no caso de não ter feito pesquisas anteriormente, existem ferramentas na internet que comparam preços no decorrer do tempo e são úteis para fugir valores contaminados. O Buscapé, Mais Barato Proteste e Já Cotei são exemplos dessas plataformas. Com informações do Estadão

Mais Notícias

Amazonia perde por dia cerca de 190 mil metros quadrados de mata
Governo recua e proíbe porte de fuzil por cidadãos comuns
Governo aumenta conta de luz através do aumento das bandeiras
Rui diz que não tem mais o que negociar com professor
Desaprovação ao governo Bolsonaro aumenta e supera os apoios
Justiça nega pedido e Elinaldo segue réu em processo penal
Sinjorba lança manifesto pelo fortalecimento dos jornalistas
Adolescente negro tem mais chance de cometer suicídio
Zé Dirceu divide cela com Eduardo Cunha e João Vaccari
Decreto de Bolsonaro libera fuzil semiautomático, diz fabricante


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL