Busca:

  Notícia
 
Shoppings e lojas voltam a funcionar domingos e feriados


Os shoppings centers e lojas ligados à Federação do Comércio de bens, serviços e turismo do estado da Bahia (Fecomércio), voltam a funcionar nos domingos e feriados. Os estabelecimentos estavam proibidos de funcionar nestes dias desde outubro. Acordo foi homologado pela Justiça do Trabalho de Salvador, na tarde dessa quinta-feira (8). Apenas os representantes do Sindicato dos Empregados do Comércio da cidade do Salvador participou da audiência. compareceram. O Sindilojas, que representa lojas e comércio varejista, não compareceu.


Para o presidente do Sindilojas, Paulo Motta, o acordo não corresponde aos interesses do sindicato. Segundo ele, depois do dia 18 de novembro, quando deverá expirar um prazo judicial, o sindicato vai entrar com ações próprias para tentar evitar que as empresas paguem multa. “Não tínhamos o que negociar. As propostas dos lojistas com o Sindicato dos Comerciários são muito distantes”, afirmou Paulo.


Com a proposta de reedição da convenção coletiva, os trabalhadores também receberão o ajuste pactuado em relação aos percentuais salariais, com aumento linear retroativo de 2% para quem recebe salário acima do piso e 2,2% para os funcionários que recebem o piso da categoria, além da majoração de benefícios pagos em pecúnia (2%). 


A conciliação foi conduzida pelo juiz José Arnaldo de Oliveira. Foi fixada, entre outras cláusulas, a possibilidade de trabalho aos domingos e feriados na mesma linha da convenção 2017/2018, que estava com a vigência expirada desde 28 de fevereiro deste ano. 

Mais Notícias

AMB diz que decisão de Cuba sobre Mais Médicos é retaliação
Justiça censura Globo e proíbe notícias sobre caso Marielle
Lula recebe 572 visitas em 6 meses de prisão em Curitiba
Fim do Mais Médicos pode deixar mais de 600 cidades desassistidas
Justiça proíbe apreensão de carro com IPVA atrasado
Ministro de Temer critica proposta de repasse para governadores
Brasil pode perder 11 mil médicos caso o Revalida seja exigido
Promoção da Black Friday pode ser armadilha para consumidor
Moro antecipa exoneração para evitar novos desgastes
Brasil registra quase metade dos feminicídios da América Latina


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2018 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL