Busca:

  Notícia
 
CR7 recebe R$ 450 milhões e troca Real Madrid pelo Juventus


Cristiano Ronaldo jogou 9 temporadas pelo time espanhol

A novela sobre o destino de Cristiano Ronaldo finalmente teve um fim nesta terça-feira, e com uma nova casa para o craque português. Depois de 9 temporadas vestindo as cores do Real Madrid, o clube espanhol confirmou a saída do astro de 33 anos e o êxito da negociação com a Juventus, naquela que pode ser considerada a principal transação do futebol mundial nos últimos anos. O time italiano confirmou um contrato de quatro anos e o valor de R$ 450 milhões pago aos espanhóis.  


Cristiano despediu-se do futebol espanhol em uma carta divulgada no site oficial do time merengue. Nela, ele exaltou a passagem de 9 anos no país e os feitos conquistados - ele ultrapassou a marca de 400 gols. Curiosamente, um dos primeiros adversários que enfrentará com a nova camisa será seu antigo clube - as duas equipes se enfrentam em 4 de agosto em torneio amistoso, ainda pela pré-temporada. Pelo Real, ele anotou gols em todos seus os confrontos contra a Juventus - incluindo o mais bonito deles, de bicicleta, na última Liga dos Campeões.


A confirmação do acordo veio inicialmente através de comunicado oficial divulgado pelo Real. "O Real Madrid comunica que, atendendo a vontade e pedido expressados pelo jogador Cristiano Ronaldo, acertou sua transferência para a Juventus. Hoje, o clube quer expressar seu agradecimento a um jogador que demonstrou ser o melhor do mundo e que marcou uma das épocas mais brilhantes de nossa história", apontou. O zagueiro e capitão Sergio Ramos foi na mesma linha, elogiando o ex-companheiro de time.


Os rumores sobre a ida de Ronaldo para a Juventus já vinham ganhando força desde o fim da última temporada europeia. Após uma breve esfriada durante a Copa do Mundo, se intensificaram novamente após a eliminação de Portugal da competição na Rússia e, desde então, a imprensa da Europa dava como questão de tempo a confirmação.


Na Juventus, Ronaldo terá o novo desafio esportivo que tanto buscava, com a responsabilidade de tornar a hegemonia nacional do clube em resultados expressivos a nível europeu. Se vem de 7 títulos italianos consecutivos, o time de Turim não fatura uma Liga dos Campeões desde 1995/1996 - a outra de sua história aconteceu em 1984/1985.

Mais Notícias

MP pede a dissolução da Odebrecht e de outras 4 empreiteiras
Segurança e economia são os temas mais debatidos no Facebook
Guardar moeda no cofrinho é pratica de 1 em cada 4 brasileiros
Ministério da Fazenda critica modelo de reajuste nos planos de saúde
Camaçari cria distritos sanitários para melhorar atendimento
Taxa de mortalidade infantil volta a aumentar na Bahia
Lula volta a criticar Justiça e diz que será candidato
Geddel perde regalias com transferência para segurança máxima
Camaçarico 19 de julho 2018
Estudante brasileiro tira nota baixa em avaliação internacional


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2018 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL