Busca:

  Notícia
 
Lúcio nega que esteja fugindo da Câmara para não ser notificado


O Conselho de Ética da Câmara tenta notificar o emedebista que não a aparece na Câmara desde 10 de abril

O deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB) garante que não está fugindo da Câmara para não ser notificado sobre o processo no Conselho de Ética que pode culminar na cassação de seu mandato. “Estou cumprindo minhas funções parlamentares normalmente, não tem nada a ver com o Conselho de Ética”. 


O último registro de Lúcio numa sessão ordinária no Congresso foi feito dia 10 de abril último, de acordo com a relação oficial de presenças no site da própria Câmara dos Deputados. O colegiado já tentou notificá-lo três vezes, mas ainda não o encontrou. 


O  deputado e irmão de Gedddel Vieira Lima, preso desde o ano passado, foi acusado pelo PSOL e pela Rede Sustentabilidade de que quebra de decoro parlamentar. Lúcio foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) por lavagem de dinheiro e associação criminosa pelo caso do chamado bunker de seu irmão Geddel, apartamento onde a Polícia Federal encontrou R$ 51 milhões em Salvador.


De acordo com o regimento da Câmara, haverá mais uma tentativa, desta vez com hora marcada, para que Lúcio seja notificado. Caso não esteja novamente no gabinete ou em seu apartamento funcional, a notificação do parlamentar será publicada no Diário Oficial. Depois de notificado, Lúcio terá o prazo de 10 dias úteis para apresentar sua defesa no processo que responde no Conselho de Ética da Câmara. O colegiado tem até 40 dias úteis para cassar ou absolver o emedebista.

Mais Notícias

Ministro do STF diz que inquérito sobre fake news é 'natimorto'
Cerca de 20% da população adulta de Camaçari é hipertensa
Concurso para o projeto 'Morro da Manteiga' inscreve até junho
Polícia apreende papagaio por ser 'informante' do tráfico
Brasil fecha 43 mil postos de trabalho com carteira em março
Governo Bolsonaro é considerado entre 'ótimo' e 'regular' por 61%
TSE nega pedido e mantém Caetano sem mandato de deputado
STJ reduz pena de Lula que pode ir para o semiaberto em setembro
Últimas cartadas
Ex-ministra diz que situação do Judiciário Baiano é 'preocupante'


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2019 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL