Busca:

  Notícia
 
Cota para viagens de ministro do Supremo sobe para R$ 51 mil


O ministro Luiz Fux foi o campeão de uso da cota em 2017

Cada um dos 11 ministros do Supremo terá neste ano uma cota de R$ 51,6 mil para custear passagens aéreas nacionais. O auxílio pode ser solicitado sem a necessidade de justificar a natureza da viagem e pode ser feita  até mesmo no recesso. A Corte entende que os ministrospodem despachar eletronicamente de qualquer lugar do País.


 Em 2017, a cota era de R$ 50,4 mil por ano. Os ministros Cármen Lúcia, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello não usaram a verba no ano passado. Luiz Fux foi o que mais requereu, R$ 47,2 mil, de janeiro a outubro, último dado disponível. Atual presidente do TSE, Fux fez 41 das 44 viagens compradas com a cota para o Rio, seu Estado, o que é permitido pelo Supremo. 

Mais Notícias

Camaçarico 23 de fevereiro 2018
Promotor garante que ações contra secretária seguem na Justiça
Camaçari volta a contar com Centro de Zoonoses
Governador evita comentar ação e afastamento de Negromonte
Intervenção militar no Rio preocupa segurança de estados vizinhos
Cadeias brasileiras são inseguras com baixo número de agentes
Deputado acusa secretário da SSP de superfaturar compras de TVs
Negromonte vira réu por corrupção e é afastado do TCM
Juiz rejeita denúncia do MP contra secretária e critica promotor
Apenas 14% das crianças com microcefalia recebem atenção


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2018 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL