Busca:

  Notícia
 
Disputa entre planos de saúde é a saída para baixar mensalidade


Planos perderam 2,5 milhões de clientes em 2 anos, diz Leandro Fonseca, diretor-presidente da ANS

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) quer estimular a competição entre operadoras de saúde e fazer com que empregadores negociem melhor o preço e a qualidade do plano ofertado aos funcionários. O custo dos planos no Brasil é crescente e chega a consumir hoje mais de 11% da folha de pagamento das empresas. Os planos empresariais representam hoje 66% do mercado. Em razão da crise econômica e do desemprego, mais de 2,5 milhões de pessoas ficaram sem planos nos últimos dois anos.


As empreses são as que contratam planos os grandes indutores da mudança de modelo assistencial. No Brasil, o empregador não é um ator muito ativo nessa discussão, diz o economista Leandro Fonseca, 43, diretor-presidente substituto da ANS, que está sem o titular desde maio passado. Para Fonseca, o financiamento da saúde é um debate que está faltando no país. Como vamos dar mais saúde à população? Cobrar mais impostos? Ninguém mais aguenta. Pagar mais mensalidade de plano de saúde? Ninguém mais aguenta, afirma. 

Mais Notícias

Um em cada 4 brasileiros usa wi-fi gratuito para acessar a internet
Barroso vai analisar pedidos de impugnação da candidatura Lula
Base de partidos que apoia Alckmin está dividida nos estados
Neymar é um dos campeões em publicidade nas redes sociais
Bahia tem o maior número de pessoas em situação de desalento
Desemprego entre jovens é mais que o dobro da taxa geral
Radialista que criticava políticos é morto em Riachão do Jacuípe
Camaçarico 17 de agosto de 2018
Ministério Público pede a impugnação da candidatura Caetano
Marina intensifica campanha no Nordeste de olho no voto de Lula


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2018 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL