Busca:

  Notícia
 
Times da 'Série A' ajudarão Tite na Copa da Rússia


Os clubes brasileiros  da série A vão ajudar a seleção de Tite a  melhorar o desempenho  durante a COpa de 2018, na Rússia. Uma equipe organizada por Fernando Lázaro, coordenador do CPA (Centro de Pesquisa e Análise) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol),  atuará em conjunto com os departamentos de análise de rendimentos das agremiações brasileiras. esses  especialistas vão ajudar a CBF a esmiuçar a forma de jogar de 27 seleções classificadas para o Mundial. Argentina, Uruguai, Peru e Colômbia, os outros quatro times sul-americanos com vaga garantida no torneio, já haviam sido analisados pela equipe do CPA.


A equipe terá analistas de desempenho de 19 dos 20 clubes da Série A do Brasileiro do ano passado. apenas o Flamengo  não participará por ter poucos funcionários no setor. Time está preocupado  com as partidas das eliminatórias e amistosos, e continuarão a fazê-lo até o fim do Mundial.


A divisão das tarefas dos integrantes do grupo foi feita por sorteio. Assim, o Grêmio ficará responsável por analisar a Suíça, primeiro adversário do time brasileiro na Copa do Mundo, em jogo marcado para o dia 17 de junho. Já o Avaí esmiuçará a Costa Rica, segundo rival que enfrentará a seleção, no dia 22. Enquanto o Sport deverá preparar relatório sobre a Sérvia –último adversário do Brasil na fase de grupos, no dia 27.


Se avançar às oitavas de final, o Brasil poderá enfrentar Alemanha, México, Suécia ou Coreia do Sul. Os times são acompanhados por profissionais de São Paulo, Fluminense, Botafogo e Atlético-PR, respectivamente.

Mais Notícias

AMB diz que decisão de Cuba sobre Mais Médicos é retaliação
Justiça censura Globo e proíbe notícias sobre caso Marielle
Lula recebe 572 visitas em 6 meses de prisão em Curitiba
Fim do Mais Médicos pode deixar mais de 600 cidades desassistidas
Justiça proíbe apreensão de carro com IPVA atrasado
Ministro de Temer critica proposta de repasse para governadores
Brasil pode perder 11 mil médicos caso o Revalida seja exigido
Promoção da Black Friday pode ser armadilha para consumidor
Moro antecipa exoneração para evitar novos desgastes
Brasil registra quase metade dos feminicídios da América Latina


inicio   |   quem somos   |   gente   |   cordel   |   política e políticos   |   entrevista   |   eventos & agenda cultural   |   colunistas   |   fale conosco

©2018 Todos Direitos Reservados - Camaçari Agora - Desenvolvimento: EL